Reflexos do medievo em Il martirio di San Sebastiano

Fernanda Fellipe Lacerda Gerbis

Resumo


Este artigo pretende abordar alguns elementos do teatro medieval que podem ser observados na obra teatral Il martirio di San Sebastiano (1911), do poeta italiano Gabriele D’Annunzio (1863-1938). Reconhecidamente um amante das artes e das diferentes culturas, o poeta abrucês evidência, em seu texto, elementos como o paganismo e a fé cristã, em um misto de sensualismo e violência, típicos das representações teatrais do medievo. Além disso, os temas do mistério e das mansões, típicos do teatro medieval de território francês durante os séculos XIV, XV e XVI, são identificáveis na estrutura cênica do texto, através das poéticas e detalhadas didascálias. A figura estética e a história de mártir do Santo, símbolo de alegoria para os poetas decadentes do século XIX, são a inspiração dannunziana ao escrever o seu mistério em ritmo francês. Nesse sentido, D’Annunzio burila, assim como um arteficie das palavras, todos esses elementos em seu texto, tipicamente novecentesco.


Palavras-chave


Teatro medieval; Gabriele D’Annunzio; Il martirio di San Sebastiano; Decadentismo italiano.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBERTINI, Gabriella. Scene e immagini nell'opera dannunziana. 2a edição. Sambuceto: Mancini, 2012.

ALLEGRI, Luigi. Teatro e spettacolo nel medioevo. Urbino: Laterza, 2015.

ANTONUCCI, Giovani. Storia del teatro italiano. Roma: Tascabili Economici Newton, 1995.

CEBULSKI, Márcia Cristina. Introdução à história do teatro no ocidente dos gregos aos nossos dias. Paraná: Unicentro, 2010.

D’ANNUNZIO, Gabriele. Il martirio di San Sebastiano. Milão: Garzanti Editora, 1995.

DOGLIO, Federico. Teatro in Europa. Milão: Garzanti Editora, 1989.

MOLINARI, Cesare. Storia del teatro. Roma-Bari: Editori Laterza, 2015

TOSCHI, Paolo. Le origini del teatro italiano. Torino: Boringhieri, 1976.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.