Percurso metodológico de uma pesquisa medieval em estudos linguísticos sobre a “língua italiana”

Jefferson Evaristo

Resumo


O país que hoje convencionamos chamar de Itália – mas que, em sua história tomada como “território” passou por diferentes fases e, consequentemente, por diferentes nomes – é um dos contextos sociolinguísticos mais particulares do mundo, dada a sua multiplicidade de línguas e de línguas em contato em territórios relativamente pequenos. Nosso texto tem por objetivo apresentar os recursos metodológicos que permitiram que uma pesquisa sócio-histórica e linguística fosse realizada sobre a situação da nascente língua italiana nos séculos XIV e XV, especialmente. A proposta faz parte de nossa investigação doutoral, finalizada em 2019 e com resultados já indicados em outras ocasiões (SILVA-ALVES, 2020; SILVA, 2017; EVARISTO, 2017).


Palavras-chave


Metodologia; Língua italiana; Tese; História social

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.