A SEXUALIDADE ENTRE GÊNEROS NA VIDA RELIGIOSA ATRAVÉS DA REPRESENTAÇÃO MARIANA NO MEDIEVO (SÉCULOS XIII-XIV)

Camila Pereira

Resumo


Essa investigação foi viabilizada através do Laboratório Mnemosyne, que dentre as diversas pesquisas analisa as relações de gênero no período medieval. O objetivo principal deste trabalho é analisar os discursos que tentavam nortear a sexualidade dos homens religiosos e das mulheres religiosas presentes na narrativa Milagres Medievais, numa colectânea mariana alcobacense nos séculos XIII-XIV. O exercício da sexualidade na hagiografia se diferencia de acordo com o gênero, para as mulheres religiosas era recomendada a virgindade e aos homens religiosos a castidade. Enfoca-se na construção da categoria de gênero através da literatura, pois a hagiografia serviu para a Igreja Católica como instrumento pedagógico de propagação dos ideais litúrgicos, e tinha como objetivo nortear as ações de homens e de mulheres determinado os papéis próprios de ambos.


Palavras-chave


Castidade; Hagiografia; Sexualidade; Virgem Maria; Virgindade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.